Singapura | CachorroGato

Guia de Raças

Singapura

Quero esta raça

Ficha do Singapura

Singapura

O termo Singapura não serve apenas para localidade geográfica, mas também para um gato de rua muito encontrado nessa ilha. A raça é conhecida como a menor entre os gatos domésticos, apesar disso, ainda é um gato ativo e bastante companheiro. A fêmea Singapura é conhecida por possuir um forte instinto maternal.

O Singapura é um gato que vai se encaixar bem na vida em família ou na vida de solteiros ativos que querem um gato companheiro, de colo e que gosta de atenção. No entanto, se a família passa muitas horas fora de casa o melhor é que esse gato tenha a companhia de algum outro animal de estimação. Antes de coloca-lo dentro de casa, torne o ambiente seguro para ele, pois a raça consegue escalar e subir em moveis com facilidade, mesmo com seu pequeno porte.

 

Origem

Em uma viagem para Singapura, um casal de turistas americanos, Tommy e Hal Leadows, se encantaram por os gatos que viram lá. No ano seguinte, em 1975, eles importaram três exemplares dessa raça para a Califórnia e os expuseram em 1976. No ano de 1980 mais gatos Singapura chegaram aos Estados Unidos, recebendo reconhecimentos pelas associações felinas ao longo da década.

Mesmo com o desenvolvimento do gato Singapura ocorrendo nos Estados Unidos, essa raça é pouco comum até mesmo por lá. A origem exata da raça é desconhecida, apenas se sabe que ela nasceu pelas ruas de Singapura, ganhando assim este nome. Em 1991, o governo de Singapura decidiu declarar a raça como um tesouro nacional vivo.

 

Comportamento

Fora de casa a raça é uma excelente caçadora, mas dentro de casa é um gato meigo e afetuoso que gosta de seguir o dono e exige bastante atenção e carinho. É sociável e ao mesmo tempo sensível e discreto, possuindo uma voz suave. O gato Singapura tem grande curiosidade com relação a tudo e é bastante inteligente. Parece que a energia dele nunca acaba e esse gato sempre vai se empenhar em ajudar o dono em alguma coisa. É bom ficar de olho nesse felino, pois ele consegue escapar facilmente de casa. O Singapura vai fazer sua melhor cara de inocente quando for pego aprontando alguma coisa.

São gatos que adoram colo, mas também adoram brincadeiras interativas e não vão perder a chance de brincarem com seu humano favorito. Não estranhe se um gato da raça Singapura decidir de acordar dando patadinhas – nada com garras - em seu rosto logo pela manhã, esse é só o jeito dele agir. Deixar essa raça sozinha por longos períodos de tempo não é uma boa ideal, então sempre tenha um companheiro, humano ou não, para o Singapura.

 

Aspecto

Essa raça é conhecida como compacta, tendo seus exemplares menos do que três quilos, com tamanho de pequeno para médio, o que torna o Singapura o gato doméstico mais leve. Trata-se de um gato musculoso, mas que não ser ou parecer estar acima do peso. Sua cabeça é pequena e redonda, as bochechas podem se apresentar grandes nos machos adultos, o nariz apresenta um leve stop abaixo da linha dos olhos, a região de inserção dos bigodes é proeminente. As orelhas são grandes, largas na base e pontiagudas, inseridas medianamente afastadas. Os olhos são grandes, amendoados e são acentuados por linhas de delineamento de cor escura, as cores permitidas são cobre, verde ou ouro, sempre brilhantes. Uma marca em formato de “M” é visível na testa da raça Singapura. A combinação de suas orelhas e seus grandes e brilhantes olhos passam a impressão de que a raça está sempre alerta.

O pelo é bastante curto, fino, sem apresentar a textura de pelúcia. Sua pelagem tem padrão em ticking, ou seja, apresenta várias faixas de tom no mesmo pelo. O Singapura geralmente tem 4 ou mais faixas de cores que variam de castanho escuro até marfim, sendo tradicionalmente sépia, como uma velha fotografia. A região da espinha e a ponta da cauda podem ter coloração mais escura. As patas são musculosas, mas a estrutura óssea é fina. A cauda da raça Singapura tem comprimento médio, é fina sem ser afilar e com extremidade arredondada. A aparência geral da raça Singapura relembra o leopardo. Esse gato não atinge seu tamanho adulto até os dois anos de idade e alguns veterinários sem experiências com ele podem achar que o Singapura apresenta algum problema por ser tão pequeno, mas é apenas uma das características desse gato.

 

Cuidados específicos

O gato Singapura é bastante simples de ser cuidado, exigindo apenas uma escovação semanal para manter sua pelagem livre de pelos mortos e com bom aspecto. A limpeza mensal do seu pelo, até mesmo com um pano úmido, também deve ser efetuada.

 

Saúde

Até o momento não se existe qualquer problema de saúde relacionado à raça Singapura, sendo, portanto, uma raça considerada bastante saudável.


História do Singapura

 A raça Singapura surgiu na região de mesmo nome, no Sudeste Asiático, onde a coloração e padrão de sua pelagem são uma combinação comum e é considerado o local da origem da característica genética dos pelos malhados.  Foram Hal e Tommy Meadow os responsáveis por levar a raça para os Estados Unidos, no começo dos anos de 1970. A partir daí começou-se o desenvolvimento e criação de raça nos EUA.

O casal assumiu a responsabilidade de melhorar a raça e consultaram um geneticista inglês para sanarem suas duvidas sobre a consanguinidade do Singapura. Em alguns filhotes, ocasionalmente, se observou a coloração marrom solida, deixando claro que a raça carrega um gene recessivo para essa característica, a partir disso os criadores passaram a testar e eliminar os gatos com esse gene do programa de melhoramento da raça. A TICA reconheceu a raça em 1979.


Características do Singapura

A menor raça de gato doméstico conhecida, de cor sépia e grande olhos brilhantes, o gato Singapura é um grande companheiro e incrivelmente ativo apesar do seu tamanho pequeno. Com seu temperamento encantador e sua aparência única, o Singapura atrai as pessoas para si.

Se prepare para um gato que gosta de atenção, que é curioso e vai satisfazer esse instinto subindo em moveis ou acompanhando tudo do ombro de seu dono. Ele vai querer te ajudar nas coisas, vai deitar no seu colo pedindo carinho e vai se enroscar com você na cama. O Singapura é um gato vivo, brincalhão e um excelente caçador.

 

Raça verificada por:

Médico Veterinário (CRMV- SP 23.348), formado pela Universidade Paulista, Cirurgião Geral e Ortopedista no Hospital Veterinário Cães e Gatos 24 horas há 6 anos. Dr. Tubaldini é o Diretor de Conteúdo do portal CachorroGato e gestor da equipe de veterinários responsáveis pela ferramenta Dr. Responde.

Raças Relacionadas

  • Abyssinian

    O Abyssinian é um gato com ares um pouco selvagens, devidos aos seus olhos e sua pele...

    Leia Mais
  • Bengal

    O Bengal, ou também conhecido como Gato de Bengala, é famoso pelo padrão e coloração de...

    Leia Mais
  • Bobtail Japonês

    O Bobtail Japonês, também chamado de Japanese Bobtail, exala confiança, curiosidade,...

    Leia Mais
  • Burmês

    O Burmês é uma raça antiga, provindo da Birmânia. É um gato muito sociável e...

    Leia Mais