Asian Semi-longhair | CachorroGato

Guia de Raças

Asian Semi-long Hair

Tifanny-Chantilly, Tiffanie

Quero esta raça

Ficha do Asian Semi-long Hair

Asian Semi-long Hair

A raça Asian Semi-longhair é também conhecida como Tiffanie. O gato Tiffanie apresenta bem as características de seus ancestrais – o Burmês e o Persa Chinchila -, sendo um felino dócil e sociável, com temperamento ideal para um companheiro. Algumas pessoas podem se referir ao Asian Semi-longhair como Burmês de Pelo Longo (Burmese Longhair). A versão americana da raça é conhecida como Tiffany-Chantilly.

Alguns gatos dessa raça podem ser mais de colo, como um Persa, enquanto outros se apresentam mais ativos e extrovertidos como o Burmese, mas sempre possuindo uma boa personalidade. O Asian Semi-longhair é indicado para aposentados, pessoas que nunca tiveram um felino, famílias com crianças e/ou pessoas com outros animais de estimação. O Tiffany-Chantilly é também indicado como companheiro de viagem e ambas as raças não são a opção mais adequada para pessoas que passam longos períodos fora de casa.

 

Origem

A raça se originou no Reino Unido – apesar do termo Asian em seu nome, que na verdade faz referência às raças que foram utilizadas em sua obtenção – por volta do ano de 1980. Acredita-se que o Tiffanie seja resultado do cruzamento acidental de um gato Persa Chinchila com um da raça Burmese. Deste cruzamento surgiram gatos de pelagem curta – que originou a raça Burmilla – e gatos de pelagem longa, dando origem à raça Tiffanie. A raça recebe esse nome por ser bastante parecida com a americana Tiffany-Chantilly, por esse motivo algumas associações não separam as duas.

O Tiffany-Chantilly surgiu por volta de 1967, nos Estados Unidos. Dois gatos – um macho e uma fêmea – foram adotados por Jennie Robinson, que deu inicio a criação da raça em 1969. Muitas pessoas acreditavam que o Tiffany-Chantilly era resultante do cruzamento do Burmese com alguma outra raça, devido a sua aparência, no entanto isso não é verdade como no caso da raça Tiffanie.

 

Comportamento

Gatos Tiffanie são bons para apartamentos e conseguem se adequar aos mais variados estilos de vidas e donos. Devido a sua ancestralidade, esses felinos apresentam momentos de plena paz, nos quais gosta de deitar na cama e relaxar, porém no momento seguinte seu outro lado pode aparecer e o Tiffanie decide que quer entrar numa brincadeira incansável. Quando tratados com respeito e carinhos, os gatos dessa raça se tornam companheiros de longa data. Gatos Tiffany-Chantilly são conversadores e gostam de receber a mesma atenção que costuma dar as pessoas.

Bastante inteligente, o gato da raça Tiffanie pode ser facilmente treinada, além de ser do tipo que espera por seu dono na porta de casa, pronto para receber um carinho ou começar uma brincadeira. Sociável, o Tiffanie costuma conviver pacificamente com outros animais de estimação e seu temperamento dócil faz dele um bom amigo para crianças – o Tiffany-Chantilly costuma ser reservado na presença de estranhos. Muitas vezes, um felino dessa raça fica plenamente feliz em poder passar algum tempo no colo de seu humano. É importante ressaltar que essa raça não deve viver isolada ou passar muito tempo sozinha, demandando certo nível de atenção.

 

Aspecto

Trata-se de um gato de médio porte, com um corpo sólido e musculoso, mais similar com o Burmese. Quando comparado à raça americana Tiffany/Chantilly, essa raça é um pouco maior e mais pesada. Seu rosto apresenta características mais próximas do Persa Chinchila, possuindo focinho é curto, por exemplo. Os olhos são grandes, se apresentam bem abertos e possui um forte contorno escuro, a cor é um marcante tom de verde. As orelhas são largas, com as pontas arredondadas e vários tufos de pelo. O gato Tiffanie possui a pelagem semi-longa, sendo os pelos finos e sedosos. Ao redor do pescoço os pelos são mais densos do que no restante do corpo e a pelagem de sua cauda lembra uma pluma. O pelo se apresenta em cinco diferentes cores: preto, marrom, azul, lilás e chocolate.

Gatos da raça Tiffany-Chantilly são conhecidos principalmente na coloração chocolate, mas durante o desenvolvimento da raça surgiram cores como lilás, fawn, preto, canela, entre outras. O padrão também começou a ser variado e esse gato pode ser malhado, manchado ou com pelos num padrão ticking (apresentando diferentes tons da mesma cor num único pelo). Sua pelagem é também semi-longa, sem uma dupla camada e bastante sedosa ao toque. Seus olhos são ovais e de tons que variam do amarelo ao âmbar, alguns apresentam uma leve tonalidade de verde ao redor da íris, dando a impressão dos olhos serem dourados. Ambas as raças atingem maturidade por volta dos 24 meses, quando sua pelagem toma seu formato definitivo.

 

Cuidados Específicos

Apesar de apresentar um pelo bastante fino e de comprimento semi-longo, o Tiffanie deve ser escovado semanalmente, pois sua pelagem dificilmente embaraça e forma nós. A mesma regra é valida para o Tiffany-Chantily, que apresenta pouca mudança de pelo por só possuir uma camada de pelagem, além disso, é importante que suas orelhas sejam checadas semanalmente para evitar acumulo de cera.

 

Saúde

A raça Tiffany-Chantilly e a raça Tiffanie são conhecidas como saudáveis, sem apresentar – até o momento – qualquer problema de saúde de origem genética ou disposição para um determinado tipo de doença. O Tiffany-Chantilly precisa de uma atenção extra em relação a sua dieta, pois alguns exemplares podem sofrer problemas em digerir produtos derivados do milho.


História do Asian Semi-long Hair

O Asian Semi-longhair possui uma história mais recente e uma origem europeia, enquanto sua versão americana – o Tiffany-Chantilly – surgiu na segunda metade da década de 1960. Apesar de ser parecido com o Burmese, os gatos Tifanny-Chantilly não surgiram do cruzamento da primeira raça com alguma outra e o que de fato se acredita é que esses gatos foram resultantes de uma seleção natural. Já o Asian Semi-longhair – ou Tiffanie devido as características bastante próximas com o Tiffany-Chantilly – surgiu na Inglaterra por volta de 1980, provavelmente originado do cruzamento de um Burmese com um Persa Chinchila.

Atualmente muitos criadores estão se dedicando a criação de gatos Asian Semi-longhair e cada vez mais as associações felinas demonstram interesse na raça, afinal um gato dessa raça combina elegância com um bom temperamento e inteligência. Apesar destas características, a raça é ainda pouco comum nos Estados Unidos e, portanto, não é reconhecida por associações do país como a TICA.


Características do Asian Semi-long Hair

Apesar de origens e histórias diferentes, o Asian Semi-longhair e o Tiffany-Chantilly são muitos parecidos entre si, tanto em sua aparência física quanto em sua personalidade. Ambas as raças são muito ligadas a sua família, lidam bem com outros animais e crianças e passam por momentos de intensa atividade e vontade de brincar e outros onde apenas querem ficar enrolados no colo de seu humano favorito recebendo carinho. Não é indicado que esses gatos fiquem longos períodos sozinhos em casa, apesar de serem consideravelmente independentes.

O Asian Semi-longhair é menos reservado na presença de estranhos e não gosta tanto de conversar quando comparado ao Tiffany-Chantilly, seu corpo é também mais pesado e seus olhos são verdes. Os gatos Tiffany-Chantilly se apresentam principalmente na cor marrom e com olhos de tons que vão de amarelo ao âmbar. Ambas as raças são saudáveis e de fácil manutenção.

Raça verificada por:

Médico Veterinário (CRMV- SP 23.348), formado pela Universidade Paulista, Cirurgião Geral e Ortopedista no Hospital Veterinário Cães e Gatos 24 horas há 6 anos. Dr. Tubaldini é o Diretor de Conteúdo do portal CachorroGato e gestor da equipe de veterinários responsáveis pela ferramenta Dr. Responde.

Raças Relacionadas