Mercado pet oferece produtos acessíveis para todas as classes | CachorroGato

Mercado pet oferece produtos acessíveis para todas as classes

Segundo dados da Abinpet, o mercado pet brasileiro disponibiliza itens para os donos de cães com todos os tipos de bolso

Que os brasileiros são extremamente apaixonados pelos animais de estimação todos já sabem, no entanto, o custo mensal para manter um bichinho dentro de casa e cuidar dele da melhor maneira sempre foi um fator desfavorável para os que analisam a possibilidade de acrescentar mais um membro ao lar. Mas isso mudou e, nos dias de hoje, o mercado pet do Brasil já conta com opções de produtos para as mais diferentes necessidades e os mais variados tipos de bolso.

Segundo dados divulgados pela Abinpet – Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação, o brasileiro já tem, atualmente, uma vasta gama de produtos e preços para escolher dentro do mercado pet, fazendo com que pessoas de todas as classes sociais possam ter condições suficientes para cuidar de seus bichinhos de estimação da melhor maneira.

Mercado pet tem preços para todos os bolsos

Hoje, cerca de 106 milhões de casas do País contam com animais de quatro patas como parte da família - sendo cães e gatos os preferidos - e, de acordo com aa informações adquiridas pela associação em parceria com o IBGE, os gastos de um bichinho de estimação canino com produtos Standard podem fazer com que seus donos das classes C e D desembolsem de 4,7% até 11,1% de suas rendas mensais – enquanto os proprietários de pets felinos das mesmas classes podem gastar de 1,8% até 4,1% de seus ganhos.

Sendo a ração a principal responsável pelos maiores gastos com os pets, é preciso saber que a variação de preço de produtos alimentícios para animais varia muito entre as opções Standard e Premium – sendo que a segunda, em muitos casos, pode chegar a custar cerca do triplo do preço da primeira.

Leia Mais: Insuficiência renal e hipertensão são temas de palestras na PET Rio

Fazendo o uso exclusivo de produtos Standard, a média de gastos com um cachorro de pequeno porte gira em torno de R$ 133 mensais; enquanto os cães de porte grande requerem cerca de R$ 314 – sendo que, somente a ração pode abocanhar de R$ 42 a R$ 177 desse montante. Quando a opção do dono do pet é por produtos de linhas Premium, esse valor cresce bastante, podendo chegar a até cerca de R$ 860 mensais.

Mercado pet no Brasil

No caso dos gatos, os gastos são bem menores, e a média gasta pelos que optam por produtos Standard gira em torno de R$ 85 mensais, sendo que, quando a preferência é por produtos Premium, esse gasto sobe até cerca de R$ 280 por mês.

Quarto colocado na lista que aponta os países com maior número de bichos de estimação, o País deve seguir nesta posição com seu crescimento previsto anual de 5%, continuando a alimentar as inovações e novidades do mercado pet brasileiro – que já conta, praticamente, com um animal de estimação para cada dois lares.

Além de ser um dos países com maior número de bichos de estimação, o Brasil também ocupa, hoje, o segundo lugar no mercado pet mundial (atrás, apenas, dos Estados Unidos), tendo faturado R$ 14,2 bilhões em 2013 com as indústrias de comida, cuidados, saúde e serviços pet.

Link deste artigo: http://www.cachorrogato.com.br/noticias/mercado-pet-classes-economicas/

Sugira novo tema para um artigo
Tags:
cuidados com pets, gastos com animais, gastos com pets, mercado pet, rações

ATENÇÃO: Esse conteúdo é meramente informativo e não substitui a consulta a um médico veterinário ou serviço especializado. Encontre um fornecedor próximo a sua casa.

Sobre o autor

Priscila Franco é a Community Manager e Editora-chefe das Notícias do Grupo CachorroGato. Formada em Jornalismo e Publicidade & Propaganda.

Artigos Relacionados