Unhas de Gato - Como cuidar das garras do bichano | CachorroGato

Unhas de Gato - Como cuidar das garras do bichano

Importante para o desenvolvimento dos felinos, as unhas de gato destacam muitas curiosidades e requerem bastante cuidado

Que os felinos são arranhadores natos todos sabem, e a unha de gato é peça fundamental para o desenvolvimento de um bichano saudável. Embora a empolgação dos gatos seja tão grande que, em alguns casos, possa transformar um cômodo da casa numa verdadeira fábrica de retalhos, as garras dos felinos devem ser bem cuidadas para que eles possam levar uma vida feliz e ativa.

Da mesma maneira que os bichanos costumam se lamber nos famosos banhos de gato - para tirar as sujeiras acumuladas na sua pelagem - o ato de arranhar também tem funções bem determinadas para os bichanos e, ao contrário do que muitos possam pensar, não é uma atitute que apresente, necessariamente, alguma agressividade. Com o passar do tempo, a unha de gato passa a ter capas envelhecidas, e arranhar é uma das medidas que o felino toma para se livrar dessa cobertura velha.

unhas-gato

Além destas capas envelhecidas, a unha dos gatos pode irritar bastante o animal quando se torna muito grande, desencadeando sessões intermináveis de arranhões por todos os lados. As unhas dos bichanos também servem como forma de proteção e defesa contra ameaças e ataques, além de ser uma ótima maneira para que se acalmem e possam diminuir os níveis de estresse.

Quem conta com um amigo felino como parte da família sabe que a atenção deve ser constante em relação ao humor e às garras do pet, já que quase qualquer item ao alcance pode ser tornar um local perfeito para muitas arranhadas, incluindo móveis, paredes e cortinas, entre outros.

Conheça, neste artigo, boas dicas para diminuir a quantidade de arranhões do seu pet felino e como cuidar das suas unhas da melhor maneira, contribuindo para que o bichano tenha uma vida saudável e livre de aborrecimentos em função das unhas.

Leia Mais: Cuidar de um Gato - Dicas e sugestões

 

Como cuidar das unhas de gatos

 

Conforme explicado acima, a unha de gato tem muitas funções na vida de um felino e, por isso, deve ser sempre bem cuidada e aparada. Assim como as unhas das pessoas, as dos bichanos não param nunca de crescer e, tendo em vista a irritação que isso pode causar ao pet, é importante que proprietários fiquem atentos para identificar a hora de apará-las, sendo que esse tipo de procedimento deve ser feito com muito cuidado para não ferir o animal.

Por serem muito delicadas, a unhas dos felinos quando cortadas de maneira errada podem causar muita dor, além de uma espécie de multilação na região. Ao contrário das unhas das pessoas, as garras dos bichanos ficam completamente expostas na sua pata e, destacando uma proximidade grande com os ossos, são cheias de nervos e vasos – que quando feridos podem causar muito incômodo no pet.

A camada de queratina que cobre a unha do gato deve ser a única parte a ser cortada ou aparada, e é necessário ter bastante cuidado na hora de realizar essa tarefa, pois a derme (conhecida como sabugo, por onde passam as terminações nervosas nas garras) fica posicionada bastante próxima à superfície da unha, e pode ser afetada em procedimentos feitos por pessoas sem experiência.

Nos bichanos que contam com unhas brancas, a identificação da porção a ser aparada é bastante fácil, já que é possivel enxergar a cor vermelha dos vasos sanguíneos que passam dentro dela e devem ser preservados. Entretanto, outras cores impedem que essa linha de limite seja identificada facilmente e, na dúvida, o melhor a fazer é levar seu bichano de estimação a uma pet shop para que o corte das unhas seja feito – evitando os riscos de acabar machucando seu animal, sem querer.

cortar-unhas-gatos

Caso a preferência seja por aparar as unhas do gato dentro de casa, uma visita ao veterinário pode se apresentar como uma boa opção, pois ele pode explicar como realizar o processo da melhor maneira e com toda a segurança necessária. Para os que optam pelo corte das garras em casa, é essencial que sejam adquiridos os acessórios específicos para esse tipo de trabalho, como tesourinhas e cortadores próprios para unhas de gato, que podem ser encontrados em pet shops.

Como as garras dos felinos são “retráteis”, pode haver dificuldade na realização do processo por parte dos menos habilidosos. Entretanto, ao fazer uma leve pressão na pata do animal, as suas unhas já se tornam mais proeminentes e visíveis, facilitando o corte – que sempre deve ser feito com cuidado para evitar machucar a parte interna.

Para que as unhas do seu bichano possam ser aparadas sempre que necessário, é importante acostumar o seu pet com o processo desde filhote, e mostrar para ele que tocar em suas patas ou outras regiões mais delicadas e sensíveis não representa uma ameaça. Assim como no caso de banhos e da higienização de ouvidos, os gatos tendem a ser muito mais calmos durante a ação quando a conhecem desde filhotes, e executar todos os principais cuidados com sua saúde desde os primeiros meses de vida é a garantia de um felino tranquilo e nada agressivo em procedimentos como estes.

Mesmo acostumados com a situação, os gatos continuam sendo animais ativos e que se sentem incomodados por terem que passar muito tempo parados. Portanto, é indicado que o processo de aparar suas unhas seja feito em partes, cortando uma ou duas por vez e deixando-o brincar um pouco antes de retomar o processo.

 

Unhas postiças para gatos

 

Um método bastante usado nos dias de hoje para evitar as arranhadas constantes de felinos é a adoção de unhas postiças para gatos. Embora a ideia possa parecer um tanto equivocada em um primeiro momento, o revestimento das garras pode trazer resultados muito bons para quem sofre com um bichano que arranha demais.

Feitas a partir de materiais como borracha, gel e silicone, as unhas postiças para gatos podem ser encontradas com facilidade nas pet shops mais modernas e, além de proteger as suas garras, também protege os móveis da casa. O maior cuidado em relação a esse tipo de acessório deve ser na hora da aplicação, que deve ser feita com calma e atenção para evitar que o produto colante entre em contato com outras áreas além da própria unha.

unhas-posticas-gatos

Independentemente do tipo de garra postiça que você decida aplicar no seu animal, as unhas do felino continuarão crescendo a cada dia e, quando muito grandes, tendem a causar o mesmo incômodo que o bichano sente sem esse tipo de cobertura; o que reforça a necessidade de aparar as unhas de tempos em tempos da mesma forma.

A variedade de cores já é grande no mercado de unhas postiças felinas, e não é difícil deixar seu bichano com uma “manicure” de primeira. Embora se mostre eficiente, esse acessório nem sempre é muito bem aceito pelos animais e, por isso, nem sempre pode ser tido como a solução ideal.

 

Arranhadores

 

Tido como um acessório indispensável para a maioria dos donos de bichanos de estimação, os arranhadores são uma ótima pedida para ajudar seu pet a relaxar e aparar suas unhas de maneira natural. Assim como com outros produtos, nem sempre os gatos se adaptam bem com o item e, nesses casos, cabe ao dono do felino investigar outros tipos de objeto que ele possa destruir enquanto “lixa” as garras.

Além de servirem como instrumento de relaxamento para os bichanos, os arranhadores são válidos na hora de ensinar regras específicas para o pet. Da mesma forma que os felinos aprendem quais são os locais corretos para fazer suas necessidades, eles também podem assimilar qual é o item certo para arranhar se o proprietário tiver um pouco de paciência.

Esfregar um pouco da catnip (a erva de gato) no arranhador pode ser uma boa ideia para atraí-lo ao lugar certo, e com isso em mente, é fundamental que o item tenha um lugar determinado para ficar dentro da casa, mostrando que é permitido brincar e arranhar somente neste local.

Por serem bastante usados pela maioria dos bichanos que contam com um exemplar à disposição, os arranhadores se desgastam com uma certa facilidade, acumulando sujeiras e cheiros. Com isso, os gatos acabam perdendo o interesse no acessório e, para evitar que voltem a atacar a mobília da casa, ele deve ser trocado toda vez que o felino passar a ignorá-lo, garantindo o alívio de seu estresse e as realização das suas atividades naturais de cuidados com as garras.



Link deste artigo: http://www.cachorrogato.com.br/gato/unhas-gato/

Categorias:
Comportamento dos Gatos, Saúde do Gatos
Tags:
bichanos, cuidados, felinos, garras, gatos, pets, unhas

ATENÇÃO: Esse conteúdo é meramente informativo e não substitui a consulta a um médico veterinário ou serviço especializado. Encontre um fornecedor próximo a sua casa.

Sobre o autor

Médica Veterinária (CRMV- SP 20.567) formada pela Universidade Estadual de Londrina - PR com Especialização em Radiodiagnóstico pelo Instituto Veterinário de Imagem (IVI). Responsável pelo setor de diagnóstico por imagem do Hospital Veterinário Cães e Gatos 24h atuando nas áreas de radiologia, ultrassonografia e ressonância magnética. Dra. Madi é integrante da equipe de Veterinários do portal CachorroGato e também responde por dúvidas na ferramenta Dr. Responde.

Artigos Relacionados