Tipos de produtos químicos proibidos para animais | CachorroGato

Tipos de produtos químicos proibidos para animais

Conheça as substâncias dos produtos químicos proibidos para animais e como usar itens comuns para a limpeza da casa

Não são somente as pessoas que podem ter a saúde afetada por alguns itens de limpeza, perfume ou algo que cause alergias. Há produtos químicos proibidos para animais, que se os seus donos não se conscientizarem disso, estão sujeitos a intoxicá-los, causar problemas dermatológicos, pulmonares, entre muitos outros.

Os principais produtos químicos proibidos para animais estão nos usados para a faxina da casa, cuja primeira atitude a ser tomada é certificar-se das substâncias que os compõem na hora da compra. Ácidos bóricos, peróxido de sódio, sulfúrico, fosfórico, silicato de sódio, óxido de cálcio, amônia, cloro, hipoclorito de sódio, treitanolamina, hidróxido de sódio e potássio, clorídrico e oxálico, sulfúrico e bissulfeto de sódio são nomes que você deve anotar e verificar nos rótulos das embalagens e fugir deles.   

 

Casa limpa, mas sem os produtos químicos proibidos para animais


É claro que por mais que todos amem os seus pets, ter um lar com cheirinho de xixi, fezes, pelos ou marcas de patinhas é desagradável, tanto para quem mora no local, quanto até para o próprio pet. Mas nem por isso a casa brilhando precisa ser sinônimo de perigo para a qualidade de vida do peludo.

Leia Mais: Frontline: mata pulgas, piolhos e carrapatos. Entenda como funciona

produtos-quimicos-proibidos-para-animais

Pensando neste público-alvo de pessoas que procuram evitar produtos químicos proibidos para cães e gatos, empresas desenvolveram diversas opções de itens para limpeza que são específicos para aliar o bem-estar deles à higiene de todos os cômodos. Há desinfetantes, removedores, repelentes, multiusos e até spray secante, em que se espirra em cima da urina, por exemplo, e com ação bactericida elimina o odor, higieniza o local e pronto.

O ecologicamente correto também é uma excelente opção para os que querem preservar a saúde dos seus bichos, já que eles tem a função de se degradar rapidamente, portanto, além de serem descartáveis, muitos já são naturalmente menos agressivos.

O tapete higiênico é um deles, que substitui o jornal e além de ser mais absorvente, impede a sujeira das patinhas molhadas, que na maioria das vezes sujam a casa com o xixi e, automaticamente, a tinta do papel. Então, além de evitar ter de limpar e gastar material de limpeza e tempo (e o barato sair caro), é uma maneira fácil de desviar-se dos produtos químicos proibidos para animais. E no caso dos gatos, a areia deve ser de procedência confiável, sempre peneirada e limpa com desinfetantes próprios para pets.

 

Fugindo de produtos químicos proibidos para animais de maneira natural

 

Quem não quer só comprar os próprios feitos especialmente para eles, pode recorrer a muitas maneiras de manter tudo limpo com o que há em casa. Um dos exemplos é misturar álcool e vinagre em quantidade igual, cujo resultado é ótimo para acabar com os odores. Aliás, podemos dizer que o vinagre é um coringa, pois para o quintal ele também é útil: lave o local naturalmente, enxague com bastante água para retirar totalmente os produtos e, em seguida, jogue uma mescla de 2/3 de água morna a 1/3 dele, mas do tipo branco. Deixe secar e ele estará seguro de substâncias tóxicas, além de brilhante. 

produtos-proibidos-caes-gatos

Este “truque” também vale para quando seu cãozinho fizer xixi fora do lugar. Primeiro, limpe o excesso com papel toalha, depois coloque esta solução em cima, para eliminar o cheirinho (e evitar que ele volte a urinar lá), em seguida cubra o líquido com bicarbonato de sódio, para formar uma camada em pó e, ao secar, use o aspirador de pó ou varra. Assim, você evitou produtos químicos proibidos para animais e ainda educou o seu bichinho!

Já quando o sofá ou o chão estiverem com muito pelo, use o aspirador de pó, que não é hostil à saúde dos bichanos, e passe um pano úmido misturado a algum desinfetante que não tenha em sua composição nenhuma das substâncias já citadas, principalmente a amônia, muito comum na maioria deles.

Vale lembrar que deixar a casa limpa é um dever de quem adota um bichinho. Isto porque quando nos comprometemos a ter um animal de estimação, estamos assumindo a responsabilidade de tratá-lo com amor, dando a alimentação adequada, levá-lo ao veterinário sempre que necessário, manter as vacinas e a vermifugação em dia, além da higiene. E o lar em que ele vive deve ser asseado, pois isso evita doenças, sejam elas tóxicas, dermatológicas, bucais, gástricas, entre muitas outras.

Portanto, sempre pergunte ao veterinário quais são os produtos proibidos para os animais, pesquise bastante sobre o assunto, leve a lista de substâncias perigosas, verifique os rótulos na hora de comprar cada item e lembre-se de que a saúde do seu pet é uma responsabilidade que depende de você!



Link deste artigo: http://www.cachorrogato.com.br/cachorros/produtos-quimicos-proibidos-para-animais/

Categorias:
Curiosidades sobre Cães, Saúde do Cachorro, Saúde do Gatos
Tags:
animais, cachorros, cães, felinos, gatos, perigosos, produtos, proibidos, químicos

ATENÇÃO: Esse conteúdo é meramente informativo e não substitui a consulta a um médico veterinário ou serviço especializado. Encontre um fornecedor próximo a sua casa.

Sobre o autor

Médica Veterinária (CRMV- SP 20.567) formada pela Universidade Estadual de Londrina - PR com Especialização em Radiodiagnóstico pelo Instituto Veterinário de Imagem (IVI). Responsável pelo setor de diagnóstico por imagem do Hospital Veterinário Cães e Gatos 24h atuando nas áreas de radiologia, ultrassonografia e ressonância magnética. Dra. Madi é integrante da equipe de Veterinários do portal CachorroGato e também responde por dúvidas na ferramenta Dr. Responde.

Artigos Relacionados