Catarata Canina - Quais são as raças mais suscetíveis? | CachorroGato

Catarata Canina - Quais são as raças mais suscetíveis?

Entenda a catarata canina e veja uma lista de raças mais suscetíveis à doença

Assim como a diabetes, a conjuntivite e as alergias, a catarata também é uma doença conhecida nos humanos que pode acontecer nos nossos pets. A catarata canina vem, geralmente, de herança genética, mas também pode ser causada pela diabetes canina, além de outras inflamações ou traumas sofridos nos olhos do cão.

A catarata canina nada mais é do que a opacidade do cristalino, parte do olho que controla o foco da imagem, do cão. Em outras palavras, é como se uma nuvem passasse a cobrir a visão do cachorro.

Catarata canina

A evolução da doença pode variar de semanas a meses e anos, e a nebulosidade pode ser parcial (catarata incipiente) e nem interferir a visão do cachorro, mas também pode envolver maior região no cristalino e causar uma vista mais embaçada, a chamada catarata imatura, que pode acabar afetando todo o cristalino e se tornando uma catarata madura, que é quando o não consegue mais enxergar deste olho, já está cego.

Identificando a catarata dos cachorros

Em grande parte dos casos, os cachorros desenvolvem a catarata nos dois olhos, mas ela também pode incidir em um olho só. O aspecto acinzentado no olho do cachorro pode ser um sinal de catarata, mas ele também pode indicar outras doenças como a erlichiose. Visitas regulares ao veterinário são importantes nesse sentido, pois, quanto antes for identificada, melhores são as chances de a catarata não se desenvolver.

Leia Mais: 3 motivos por que meu cachorro está mancando

É válido lembrar que a catarata nos cães é diferente da esclerose nuclear, que acontece em cães idosos e não afeta a visão do cãozinho. A catarata acontece, na maioria dos casos, em animais mais jovens, mas ela também pode afetar os cães idosos, por isso é importante a atenção do dono do pet e um veterinário para identificar qual doença está afetando a visão do animal.

Tratamento do cachorro com catarata

A catarata pode ser eliminada apenas cirurgicamente. É necessário um ultrassom ocular pré-cirúrgico e a catarata é removida através de uma pequena incisão na córnea. As chances de sucesso são maiores em cataratas imaturas, mas existe também chance de uma catarata madura ser curada. Em ambos os casos, a cirurgia não garante 100% de sucesso, podendo, mesmo que raramente, ocorrer complicações que não impeçam que o cachorro perca sua visão.

Em cirurgias bem sucedidas, o cão já apresenta melhora, no máximo, a partir da terceira semana. O pós-operatório é uma parte importantíssima do tratamento, por isso as instruções do veterinário devem ser seguidas à risca.

Raças de cães mais propensas a catarata

A universidade Prince Edward Island, no Canadá, publicou uma relação das raças mais propensas a adquirir catarata e em qual momento da vida do cão a doença aparece. Confira:

  • Akita – geralmente associado a cães de olhos pequenos
  • Antigo Cão de Pastor Inglês (Bobtail) - congênita, juvenil, adulto
  • Australian Cattle dog – Blue Heeler
  • Baixote Basenji - congênita Beagle – congênita
  • Bearded Collie – juvenil, adulta
  • Bedlington Terrier – juvenil
  • Bichon Frisé – juvenil
  • Boieiro da Flandres – congênita, juvenil, adulta
  • Border Collie – adulta
  • Boston Terrier – juvenil, provocando a cegueira por volta dos 2/3 anos; senil, mas raramente limitando a visão
  • Caniche – juvenil
  • Cão de Água Português
  • Cavalier King Charles Spaniel - juvenil
  • Chesapeake Bay retriever – adulta
  • Chow chow - congênita
  • Clumber spaniel Cocker Spaniel Americano – juvenil
  • Cocker Spaniel Inglês - juvenil
  • Collie (rough and smooth) - congênita
  • Curly-coated retriever – adulta
  • Dálmata
  • Dogue Alemão – juvenil
  • Elkhound - juvenil
  • English Springer Spaniel – congênita, juvenil, adulta
  • Épagneul Anão Continental - juvenil, adulto
  • Épagneul do Tibete
  • Épagneul Japonês
  • Fox terrier
  • Galgo Afegão – desenvolvimento de cataratas enquanto novo progredindo até à limitação da visão por volta dos 2/3 anos de idade
  • Galguinho Italiano - juvenil
  • Golden retriever – cataratas desenvolvem-se a diferentes idades, mas geralmente sem limitar a visão
  • Gordon setter – juvenile, adulto
  • Griffon Bruxellois - adulta
  • Havanês
  • Irish Setter - juvenil
  • Irish wolfhound - juvenil, adulto
  • Jack Russell terrier
  • Labrador Retriever – cataratas de progressão muito lentas entre 1 e 3 anos, que não afectam a visão
  • Lhasa apso - adulto
  • Malamute do Alasca - juvenil
  • Mastif Inglês
  • Norrbottenspets
  • Nova Scotia Duck Tolling Retriever
  • Pastor Alemão – congênita, juvenil
  • Pastor Australiano – congênita, juvenil, adulta
  • Pastor Belga – cataratas não progressivas, não limitam a visão
  • Pastor das Shetland
  • Pembroke Welsh Corgi - congênita, juvenil
  • Pequinês
  • Pinscher Miniatura – juvenil
  • Poodle
  • Rottweiler - juvenil, adulto
  • Samoiedo - congênita, juvenil, adulto
  • São Bernardo - juvenil
  • Schnauzer médio - juvenil
  • Schnauzer Miniatura – congenital, juvenile, adulta
  • Scottish Terrier - adulto
  • Shar Pei
  • Shih Tzu
  • Siberian Husky - juvenil
  • Staffordshire Bull Terrier – juvenil
  • Terra Nova
  • Terrier do Tibeta – juvenil
  • Welsh Springer Spaniel - juvenil
  • West Highland White Terrier - congênita, juvenil
  • Wheaten terrier
  • Whippet - adulto
  • Wire-haired
  • Fox Terrier - juvenil
  • Yorkshire terrier – juvenil



Link deste artigo: http://www.cachorrogato.com.br/cachorros/catarata-canina/

Categorias:
Curiosidades sobre Cães, Saúde do Cachorro
Tags:

ATENÇÃO: Esse conteúdo é meramente informativo e não substitui a consulta a um médico veterinário ou serviço especializado. Encontre um fornecedor próximo a sua casa.

Sobre o autor

Médico Veterinário (CRMV- SP 10.687), formado pela Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia - Unesp com Pós Graduação em Oncologia Veterinária pelo Instituto Bioethicus e Pós Graduação em Clínica Médica e Cirúrgica de Pequenos Animais pelo Instituto Qualittas. Responsável pelo setor de Oncologia Médica e Cirúrgica do Hospital Veterinário Cães e Gatos 24h. Dr. Toyota é integrante da equipe de Veterinários do portal CachorroGato e também responde por dúvidas na ferramenta Dr. Responde.

Artigos Relacionados