10 Cães de Guerra – As raças mais vistas em ambiente militar | CachorroGato

10 Cães de Guerra – As raças mais vistas em ambiente militar

Confira o top 10 das principais raças de cães de guerra

Trabalhar como cães de guerra não é um papel fácil. O cão deve ter personalidade e qualidades bem específicas, assim como especialmente treinado para todo tipo de situação que possa encontrar em campo. É por isso que geralmente os treinadores escolhem raças específicas que já possuem instinto natural para realizar o trabalho militar.

Obviamente, cães vira-lata também podem fazer um excelente trabalho como cães de guerra, se bem treinados e passando por todos os testes. Entretanto, algumas raças são favoritas por, desde filhotes, já terem a certeza de um temperamento determinado e também por suas características físicas, pois um cão de guerra também precisa ser grande, forte e resistente.

caes-guerra 

Confira um top 10 das raças favoritas para o trabalho militar!

 

Pastor Alemão

Leia Mais: Equipamentos veterinários - Encontre todos os tipos e fornecedores

caes-guerra-pastor-alemao

Favorito para o trabalho militar, o Pastor Alemão é uma das raças mais inteligentes do mundo. Ele é forte, ágil e resistente, e por sua extrema capacidade de aprendizado é cotado para todo tipo de atividade militar, de pular de paraquedas até se arrastar embaixo da terra. É um cão protetor e amigável, e se apega a seu parceiro muito rapidamente, sendo extremamente fiel.

Leia mais sobre o Pastor Alemão

 

Rottweiler

caes-guerra-rottweiler

Uma das primeiras raças que se tem notícia do uso como cão de guerra. O Rottweiler é forte, resistente e muito inteligente. Além disso, possui um instinto de proteção e atenção, o que também os faz excelentes cães de guarda. É bastante obediente, mas pode ter um temperamento forte, que deve ser controlado através de um bom adestramento desde cedo.

Leia mais sobre o Rottweiler

 

Pastor Belga

caes-guerra-pastor-belga

É um cão rústico, evoluído para o trabalho pesado em campos e matas. Possui extrema resistência, atenção e sensibilidade, o que o torna um ótimo cão de guarda de pastoreio. É preferencialmente treinado para missões de risco e de faro de drogas, graças à sua sensibilidade aguçada.

Leia mais sobre o Pastor Belga

 

Terra Nova

caes-guerra-terra-nova

Tem a aparência de um pequeno urso. É um cão grande, pesado e forte. Extremamente resistente, o Terra Nova é perfeito para missões em locais frios ou que envolvam água, pois são excelentes nadadores e sua pelagem o torna resistente ao frio. Também é uma raça muito gentil e dócil, se tornando uma excelente companhia.

Leia mais sobre o Terra Nova

 

Dogo Argentino

caes-guerra-dogo-argentino

É considerado no tamanho ideal, sem ser grande ou pequeno demais. É muito forte e musculoso, sendo também muito silencioso e calmo em situações de perigo. É utilizado em todos os tipos de missões, por preencher todos os quesitos necessários, além de ser também uma raça muito inteligente, fácil de treinar.

Leia mais sobre o Dogo Argentino

 

Golden Retriever

caes-guerra-golden-retriever

O Golden Retriever é favorito como cão militar para missões de busca e salvamento, sendo também muito usados como cães farejadores. É muito corajoso, obediente e tem um senso de direção e posicionamento diferenciado. Também é muito carinhoso e confiante com seu treinador. É uma das raças que melhor sabe lidar com situações de risco e com seres humanos.

Leia mais sobre o Golden Retriever

 

Labrador

caes-guerra-labrador

Assim como o Golden Retriever, o Labrador é muito utilizado para farejar drogas e armas, assim como em missões de salvamento. Apesar de não ser dos mais fortes e musculosos, é rápido e astuto, sendo um cão muito confiante e próximo ao seu humano, o que o torna muito fácil de lidar e de treinar.

Leia mais sobre o Labrador

 

Dogue Alemão

caes-guerra-dogue-alemao

Entre as raças citadas, é uma das menos usadas atualmente. O Dogue Alemão serve como cachorro militar por seu porte e resistência, sendo um ótimo cão para missões que precisem carregar cargas. Entretanto, é uma raça um pouco teimosa, além de dócil demais, o que pode atrapalhar seu treinamento.

Leia mais sobre o Dogue Alemão

 

Mastiff Inglês

caes-guerra-mastiff

É uma raça muito antiga da Inglaterra, e seu uso como cão de guerra também é muito antigo. É um cachorro resistente e grande, conhecido antigamente pela caça de animais grandes. É preferido para missões longas, que exijam mais resistência e força física do cão. São fáceis de treinar e conviver, sendo cães extremamente bem dispostos.

Leia mais sobre o Mastiff

 

Dobermann

caes-guerra-dobermann

Tem todas as qualidades instintivas e a inteligência e cooperação necessárias para o trabalho militar, entretanto, o Dobermann é pouco usado para essa área por ser um cão de menor porte comparado aos outros. Apesar disso, é muito resistente e musculoso, sendo um excelente corredor. Isso o torna um cão bom para missões que envolvam perseguição.

Leia mais sobre o Dobermann



Link deste artigo: http://www.cachorrogato.com.br/cachorros/caes-guerra/

Categorias:
Comportamento dos Cães, Curiosidades sobre Cães
Tags:
adestramento, cachorros, cães, cão, guerra, militar, militares, pets, raças, trabalho

ATENÇÃO: Esse conteúdo é meramente informativo e não substitui a consulta a um médico veterinário ou serviço especializado. Encontre um fornecedor próximo a sua casa.

Sobre o autor

Médica Veterinária (CRMV- SP 20.567) formada pela Universidade Estadual de Londrina - PR com Especialização em Radiodiagnóstico pelo Instituto Veterinário de Imagem (IVI). Responsável pelo setor de diagnóstico por imagem do Hospital Veterinário Cães e Gatos 24h atuando nas áreas de radiologia, ultrassonografia e ressonância magnética. Dra. Madi é integrante da equipe de Veterinários do portal CachorroGato e também responde por dúvidas na ferramenta Dr. Responde.

Artigos Relacionados