O mundo dos cães – Detalhes e particularidades caninas | CachorroGato

O mundo dos cães – Detalhes e particularidades caninas

Conheça um pouco mais sobre o mundo dos cães e as suas raças mais populares no Brasil, além dos principais cuidados necessários para se ter um pet com saúde

Vasto e cheio de particularidades, o mundo dos cães é cada vez mais explorado pelos amantes de pets, que adoram conhecer novas raças e as características dos animais de quatro patas considerados os melhores amigos do homem. Destacando tamanhos e comportamentos variados, os cachorros conquistam fãs por onde passam, ganhando cada vez mais espaço como animais domésticos no Brasil.

Embora seja de conhecimento popular a briga entre cães e gatos, nem mesmo essa barreira é impedimento para que um cachorro possa construir uma amizade sólida com um felino, já que há raças e personalidades do mundo canino que são capazes de interagir e brincar com quase qualquer animal e espécie.

Inteligentes e protetores, os cães são cada vez mais usados na atualidade para servirem como ajudantes e companheiros dos seres humanos, formando um cenário onde estes animais atuam em diferentes funções como cão de guarda, cão-guia para deficientes visuais, cães-policiais e até como instrumento para estimular o aprendizado de crianças com problemas como a Síndrome de Down.

caes

Mesmo temidos por muitas pessoas – que têm pavor de uma possível reação que possa resultar em uma mordida – os cachorros podem ser extremamente dóceis e obedientes quando ensinados de maneira correta; sendo que os donos de pets caninos mais agressivos ou violentos também podem contar com ajuda profissional para amenizar esse tipo de problema, ensinando o cão a interagir de maneira calma com todo tipo de pessoa.

Assim como a agressividade, comportamentos incômodos que incluem latidos constantes, avanços inapropriados e o ato de fazer as necessidades em locais não permitidos também podem ser modificados por meio do adestramento de cães.

Leia Mais: Quando posso sair com o filhote na rua?

Por serem muito inteligentes, estes animais têm a habilidade de compreender e obedecer comandos dos mais simples aos mais elaborados com firmeza; sendo que algumas raças se destacam nessa capacidade de aprendizado. Além do nível de inteligência, o porte e a personalidade dos cães também podem variar de acordo com a raça do animal, e os brasileiros já têm uma lista de preferidos neste quesito.

As particularidades do mundo dos cachorros são muitas, assim como a quantidade de doenças e complicações que podem aparecer ao longo da vida deles. Por isso, uma série de cuidados especiais são fundamentais na hora de levar um filhote para casa e torná-lo parte da família; sendo que a administração das principais vacinas para cães é uma das mais importantes providências a se tomar para garantir a saúde do seu amigão.

Tendo em mente que os cuidados são muitos e constantes, é primordial que os interessados em comprar ou adotar um filhote levem em conta todas as consequências de ter um cachorro em casa – até porque, a expectativa média de vida de um cachorro varia entre 10 e 15 anos, e o abandono de animais é tão grande nos dias de hoje, justamente, por causa de pessoas que não pensaram bem se realmente tinham condições de cuidar de um pet durante um período tão prolongado.

Embora o mercado pet esteja cada vez mais aquecido e cheio de novidades para facilitar a vida dos donos de cães – como hotéizinhos especiais e lojas do segmento que oferecem todo tipo de produto e serviço voltado para cachorros – é preciso ter em mente que de nada adianta ter um pet em casa se não houver tempo para dar a atenção que ele merece, já que esse tipo de ausência pode, inclusive, causar problemas como a depressão nos animais.

Conheça, a seguir, os principais cuidados que devem ser tomados ao levar um novo cãozinho para casa, e saiba quais são as raças preferidas entre os brasileiros nos dias de hoje.

cachorros-caes

Cuidados essenciais com cães

Conforme citado anteriormente, é preciso levar em consideração uma série de fatores antes de levar um filhotinho canino para casa. Em primeiro lugar, deve se ter em mente que os cuidados com os cães – principalmente enquanto são filhotes – são muitos, e podem se assemelhar à quantidade de atenção que deve ser dada a um filho; portanto, tenha a certeza de que terá tempo e disposição suficientes para cuidar de um pet antes de comprá-lo ou adotá-lo.

Embora essa exigência de cuidados seja menor em algumas fases da vida do cão, é importante lembrar que o animal pode viver até 15 anos, e que na sua velhice as preocupações aumentam mais uma vez – por isso, é necessário certificar-se de que tanto o dono do pet como a sua família estejam dispostos a tomar todo tipo de providência para manter a saúde do animal ao longo de sua vida.

Dito isso, vale ressaltar que a fase inicial da vida dos cães é a que exige uma quantidade maior de precauções, que podem livrar seu pet canino de uma série de problemas e doenças graves. Encontrar um médico veterinário de confiança é o primeiro passo para manter seu pet saudável e feliz, e a vacinação dos cães durante essa primeira fase de vida é fundamental para evitar problemas no futuro.

As principais vacinas para um cão filhote são, além da polivalente (que imuniza o animal contra as principais doenças caninas), as que o protegem contra Raiva, Giárdia e Tosse dos Canis. A vacina polivalente – também conhecida como V8 ou V10 – é a primeira que deve ser administrada nos cachorros, sendo que sua primeira dose pode ser aplicada a partir do 45º dia de vida do animal.

Protegendo o cão de problemas como Cinomose, Hepatite Infecciosa Canina, Parvovirose, Adenovirose, Coronavirose, Parainfluenza Canina e Leptospirose, a vacina polivalente é aplicada em três doses, sendo que cada uma delas deve ser administradas ao animal quando ele tiver, respectivamente, 45, 66 e 87 dias de vida.

A vacina que imuniza os cães da Tosse dos Canis (doença muito comum em ambientes com grande quantidade de cachorros) é aplicada em duas doses, que devem ser dadas ao animal juntamente com a segunda e a terceira doses da vacina polivalente.

Terminada a administração dos antígenos do pacote polivalente e da Tosse dos Canis, o cão deve receber a vacina contra a Giárdia, que também é aplicada em duas doses. A primeira dose já pode ser dada ao animal 21 dias após as primeiras vacinações, respeitando o mesmo intervalo para a administração da sua segunda dose, que pode ser dada junto com os antígenos para a Raiva.    

Embora seja uma doença relativamente incomum nos dias de hoje (já que, no País, há muitas campanhas de vacinação contra ela), a raiva é extremamente agressiva e fatal em 100% dos casos, levando o animal a morte em questão de dias e, portanto, ainda é considerada uma das precauções mais importantes para os cachorros. Vale lembrar que todo esse conjunto de vacinas deve ser renovado de maneira anual para que o animal continue protegido.

curiosidades-sobre-caes

As raças de cães preferidas entre os brasileiros

Com a grande quantidade de amantes de animais no País, cada vez mais brasileiros contam com um pet como parte da família. Destacando personalidades, portes, e níveis de atividades diferenciados, os cães de algumas raças determinadas passaram a fazer parte da lista de favoritos do Brasil.

Confira, abaixo, a lista das 10 raças de cães mais populares entre os brasileiros, além das características principais de cada uma delas:

  1. Poodle Tido como o segundo cão mais inteligente do mundo, o Poodle é extremamente leal e protetor, e não gosta de ficar sozinho, podendo se tornar triste em função da falta de atenção.
  2. Yorkshire Pequenino e peludinho, o cão da raça Yorkshire é um dos preferidos pelas mulheres, sendo dono de uma personalidade alegre e ativa.
  3. Maltês Pequeno, dócil e carinhoso, a Maltês é a terceira raça mais popular entre os donos de pets no País.
  4. Pug Carinhoso e corajoso, o cão da raça Pug é bastante protetor com seus donos e se dá bem com crianças. Apesar do pequeno tamanho, não se intimida na hora de defender seus proprietários.
  5. Labrador e Golden Retriever Parecidos na personalidade e na aparência de grande porte, o Labrador e o Golden Retriever são extremamente dóceis e amorosos, e se dão bem com pessoas de qualquer idade, adorando brincadeiras e carinhos.
  6. Buldogue Francês Carinhoso e inteligênte, o cão Buldogue Francês é um ótimo companheiro para crianças e idosos, e adora brincar e receber carinhos.
  7. Spitz Alemão Pequenino e dono de uma pelagem que lembra a do leão, o Spitz Alemão (também conhecido como Lulu da Pomerânia) é bastante ágil e inteligente.
  8. Rotweiller Muito usado como cão de guarda em função do seu porte e da sua capacidade de ataque, o Rotweiller também pode ser bem dócil e sociável.
  9. Buldogue Inglês Sucesso no Brasil e no mundo, o Buldogue Inglês é bastante brincalhão e não muito ativo, cansando facilmente após atividades físicas.
  10. Lhasa Apso Pequenino e muito escolhido entre os moradores de apartamentos, o cão Lhasa Apso é extremamente sociável e amável, ganhando ainda mais destaque por sua pelagem longa e sedosa.

 

Com base nestas dicas de cuidados e sugestões de raças, pense sobre se está mesmo disposto a agregar um pet canino à família. Uma coisa é certa, porém: um pet bem cuidado em casa é alegria garantida!

Leia mais sobre essas e muitas outras raças no nosso Guia Completo de Raças de Cães!



Link deste artigo: http://www.cachorrogato.com.br/cachorros/caes-cachorros/

Categorias:
Comportamento dos Cães, Curiosidades sobre Cães, Fases da Vida dos Cães
Tags:
cachorros, cães, caninos, convivência, curiosidades, diversão, pets, raças

ATENÇÃO: Esse conteúdo é meramente informativo e não substitui a consulta a um médico veterinário ou serviço especializado. Encontre um fornecedor próximo a sua casa.

Sobre o autor

Médico Veterinário (CRMV- SP 23.348), formado pela Universidade Paulista, Cirurgião Geral e Ortopedista no Hospital Veterinário Cães e Gatos 24 horas há 6 anos. Dr. Tubaldini é o Diretor de Conteúdo do portal CachorroGato e gestor da equipe de veterinários responsáveis pela ferramenta Dr. Responde.

Artigos Relacionados