Cachorros para apartamento – Cuidados e segurança no ambiente | CachorroGato

Cachorros para apartamento – Cuidados e segurança no ambiente

Conheça as raças mais indicadas e saiba que tipo de cuidado é necessário com os cachorros para apartamento

O crescimento acelerado da população mundial transformou as grandes capitais e boa parte das cidades de todo o mundo em verdadeiros amontoados de pessoas, destacando prédios e mais prédios por todos os lados. Juntando este fato com o aquecimento do mercado pet – que, só no Brasil, já conta com mais de 106 milhões de lares com bichos de estimação (sendo mais de 37 milhões deles representados pelos cães) – fica claro que os cachorros para apartamentos se tornam cada vez mais populares.

Enquanto alguns não se importam com o pouco espaço e colocam em suas casas pets caninos de todo tipo de porte; muitos buscam cachorros para apartamento com características que vão mais de acordo com esse tipo de local – optando por raças de porte menor e que tenham uma facilidade maior de adaptação a diferentes tipos de ambiente. Entretanto, na hora de escolher um bichinho de estimação para viver em um apartamento, há muitos fatores a levar em consideração além do tamanho do pet, como uma série de cuidados que devem ser tomados para evitar acidentes e ocorrências.

cachorros-para-apartamento

Tendo em vista que nem todas as pessoas que desejam ter um pet como parte da família estão dispostas a fazer mudanças (que algumas vezes, podem ser um tanto drásticas) na sua rotina, é importante ter certeza de que se tem tempo e disposição suficiente para cuidar de um cãozinho antes de levá-lo para casa – evitando problemas de abandono ou, mesmo, de solidão por parte dos animais.

Portanto, os futuros proprietários de cachorros que viverão em apartamentos devem ter em mente que os cães precisam de espaço para fazer atividades, de atenção e muito carinho – além de uma série de mudanças no seu lar, para que os riscos de acidentes com os pets sejam os menores possíveis, mantendo a saúde, a disposição e a felicidade dos cãezinhos. Confira, a seguir, que tipo de cuidado deve ser tomado ao levar um cachorro para viver em um apartamento, e conheça algumas das raças mais indicadas para o convívio em espaços menores.

 

Leia Mais: Quando posso sair com o filhote na rua?

Cuidados com cães que vivem em apartamentos

Conforme citado anteriormente, há uma série de cuidados especiais que devem ser tomados na hora de levar um amigão de quatro patas para um apartamento, e reservar uma parte do seu tempo para brincar e dar atenção para o animal é algo de extrema importância. Muitos cães não lidam bem com a solidão e, com isso, podem desenvolver comportamentos incômodos - como o de latir frequentemente – e até mesmo problemas psicológicos, como a depressão.

Portanto, separar algum tempo para dar carinhos ao seu pet, diariamente, é fundamental para deixá-lo longe de problemas. Além da atenção especial, os cachorros que vivem em apartamentos também precisam de atividade física (principalmente, se o cão em questão for de médio ou grande porte), e o tempo reservado para os cuidados com o animal deve incluir uma parte dedicada à prática de exercícios e passeios – já que, em função do espaço limitado, dificilmente o animal conseguirá gastar a energia que precisa dentro de casa.

Certificar-se de que o cachorro tem com o que se distrair enquanto seus donos estiverem fora de casa – mantendo brinquedinhos que ele goste à disposição – pode ser uma boa opção para evitar o tédio e a possibilidade do sentimento de solidão do animal, além de ajudar para que ele pratique alguma atividade física enquanto brinca.

Seguindo nesta linha, delimitar um espaço específico para o animal dentro de casa também é uma boa pedida; podendo manter, em um só local, alguns itens fundamentais para o conforto do pet, como uma tigela com água, alguma comida e uma área separada onde ele possa fazer suas necessidades.

No quesito segurança, é importante verificar todo tipo de janela ou varanda da casa as quais o cãozinho tenha acesso; instalando redes de proteção específicas ou descobrindo uma maneira de manter o pet longe destes locais para evitar acidentes. Curiosos e animados para passeios, os cães podem se empolgar demais ao perceber uma varanda aberta, por exemplo; que pode se traduzir em um convite ao perigo se os donos do pet não ficarem bem atentos.

O mesmo vale para ambientes da casa onde fiquem materiais que possam machucar o animal – como a cozinha. Facas, pratos e todo tipo de vidro devem ficar fora do alcance do animal (principalmente, se ele passar boa parte do dia sozinho em casa), que pode pular e quebrar algum objeto e se ferir gravemente.

Outro fator a ser levado em consideração é o condomínio em que viverá o cão, já que, em muitos casos, há regras específicas para que os moradores possam ter bichinhos de estimação em casa – e tais normas devem ser devidamente sabidas e seguidas para evitar problemas no prédio e com os vizinhos.

 

Raças de cães para apartamentos

Embora muitos não se importem em ter cães de raças grandes dentro de apartamentos, essa não é uma escolha indicada; já que, quanto maior for o animal, mais atividades físicas ele precisará para se manter sadio e, vivendo dentro de um apartamento, os cuidados e exigências que os donos do pet devem seguir se tornam bem maiores e mais complicados.

Por isso, ao pensar em levar um pet canino para o seu apartamento, as raças pequeninas são as que devem ser investigadas – buscando o tipo de personalidade de cão que se adapta melhor à sua rotina e que se acostumará melhor ao lar sem se prejudicar em função do espaço restrito do local. Conheça, a seguir, algumas das raças mais populares e indicadas para quem quer ter um bichinho de estimação em mora em um apartamento:

  • Shih-Tzu

cachorros-para-apartamento-shih-tzu

Pequenino e bastante sociável com todo tipo de pessoa, o cão da raça Shih-Tzu é bastante independente (embora adore carinhos), podendo ser um ótimo companheiro para quem vive em espaços restritos, como apartamentos.  

  • West Highland White Terrier

cachorros-para-apartamento-west-highland-white-terrier

Popularizado no Brasil depois de ser a estrela de um comercial de internet, o cãozinho da raça West Highland White Terrier é outro bom amigo para se ter em apartamentos. Calmo e bastante carinhoso – especialmente com crianças – este cão pode passar um certo tempo sozinho sem desenvolver problemas; no entanto, necessita de atividades físicas regulares e, portanto, os passeios com o pet devem ser constantes.

  • Poodle

cachorros-para-apartamento-poodle

Campeão de preferência entre os donos de pets barsileiros, o Poodle pode ter diferentes portes; no entanto, consegue se adaptar bem a espaços mais restritos se puder contar com a atenção do dono e passeios ocasionais. Embora necessite de mais cuidados que outras raças em relação à pelagem, os Poodles estão entre os cães mais inteligentes do mundo, e não costumam causar problemas quando adestrados.

  • Schnauzer

cachorros-para-apartamento-schnauzer

Extremamente ágil e agitado, o Schnauzer pode ser encontrado em diferentes tamanhos, sendo que a sua versão miniatura é uma das mais indicadas para se ter dentro de um apartamento. Se esta raça for a sua escolha, vale lembrar que as atividades e exercícios do animal devem ser frequentes, e os donos do pet devem reservar um tempo especial para passeios onde o cão possa gastar energia.

  • Lhasa Apso

cachorros-para-apartamento-lhasa-apso

Embora seja dono de uma personalidade teimosa, o cão da raça Lhasa Apso é bastante calmo e dócil, sendo citado entre os primeiros lugares da maioria de listas de animais indicados para se ter em um apartamento. Contando com um tamanho pequeno e ideal para lugares fechados, o cão é extremamente independente – sendo a grande exigência de cuidados com os pêlos a sua principal desvantagem.

  • Maltês

cachorros-para-apartamento-maltes

Outra raça que precisa de cuidados com a pelagem é a Maltês. No entanto, sua personalidade tranquila e companheira o tornam uma boa pedida para um pet de apartamento. Além de ser extremamente carinhoso, o cão Maltês gosta de viver em locais pequenos, adaptando-se perfeitamente a espaços menores.

  • Dachshund Teckel

cachorros-para-apartamento-dachshund

Conhecido popularmente como “salsicha”, o cão da raça Dachshund Teckel é bastante companheiro e carinhoso – embora possa ser um tanto desconfiado e, em alguns casos, até agressivo com pessoas estranhas. Tido como um ótimo amigo para crianças, esse cachorro vive bem em locai pequenos; no entanto, pode se tornar muito ciumento e possessivo, e o adestramento é comunmente indicado para os cães da raça possam ser mais controlados.

  • Pug

cachorros-para-apartamento-pug

Extremamente leal e protetor em relação aos seus donos, o Pug é um cão que se acostuma bem com ambientes diferentes e pode viver sem problemas em um apartamento. Calmo e fã de descansar, é bastante amigo das crianças, podendo ser um ótimo companheiro (e protetor) para elas.

Confira mais sobre essas e muitas outras raças no nosso Guia Completo de Raças de Cães!

 

Com tudo isso em mente, corra ao pet-shop mais próximo da sua casa e encontre o seu companheirinho ideal!



Link deste artigo: http://www.cachorrogato.com.br/cachorros/cachorros-para-apartamento/

Categorias:
Comportamento dos Cães, Curiosidades sobre Cães, Fases da Vida dos Cães
Tags:
apartamento, cachorros, cães, convivência, cuidados, pets, raças, segurança

ATENÇÃO: Esse conteúdo é meramente informativo e não substitui a consulta a um médico veterinário ou serviço especializado. Encontre um fornecedor próximo a sua casa.

Sobre o autor

Médica Veterinária (CRMV- SP 20.567) formada pela Universidade Estadual de Londrina - PR com Especialização em Radiodiagnóstico pelo Instituto Veterinário de Imagem (IVI). Responsável pelo setor de diagnóstico por imagem do Hospital Veterinário Cães e Gatos 24h atuando nas áreas de radiologia, ultrassonografia e ressonância magnética. Dra. Madi é integrante da equipe de Veterinários do portal CachorroGato e também responde por dúvidas na ferramenta Dr. Responde.

Artigos Relacionados